Skip to main content

Como identificar um cartão de memória falso

Cartão de memória é um acessório que faz parte de praticamente todos os usuários de eletrônicos, dos mais usuais aos mais geeks. Porém em meio a isso estamos rodeados de falsificações tanto dos eletrônicos como seus acessórios. Uns são mais fáceis de identificar que outros, porém os cartões de memória são um pouco mais difíceis pois visualmente existe pouca diferença.

Mas no tutorial desse post veremos como identificar de 2 maneiras um Cartão de Memória falso e em alguns casos como podemos aproveitar esses cartões ainda que seja identificado como falso.

Identificação via Android.

Usando um aparelho com Android e (logicamente) uma entrada pra cartão, usaremos o app SD Insight (clique aqui para baixar) disponível de graça na Play Store. A versão mais recente é apenas até a versão Marshmallow, a 6.0

Assim que o Cartão Micro SD estiver no aparelho, basta instalar e abrir o app e ele irá mostrar imediatamente se o cartão é falso ou não. A informação “INVALID” nos informa que um cartão é falso e a “UNKNOWN” pode não ser necessariamente falso, mas apenas não está indexado no banco de dados do aplicativo. Nesse caso recomendo fazer o próximo teste, pra ter certeza se trata ou não de uma falsificação.

Identificação via Windows

A segunda forma é com o programa H2TESTW (clique aqui para baixar) para Windows XP/Vista/8/8.1/10, que testa a capacidade interna do cartão bem como a velocidade de escrita e leitura do cartão, atestando se condiz com a classe que é informada no cartão. O ideal é usar o leitor do próprio computador/notebook. Caso não seja possível, use um leitor micro SD de qualidade preferencialmente USB 3.0 em uma porta USB do computador/notebook também 3.0, pois a informação sobre a velocidade vai ser limitada pelo adaptador USB. Porém, para a verificação de capacidade de espaço real e verificação se é original, um adaptador 2.0 é suficiente. Após ter conectado o cartão no adaptador é o adaptador no PC, você irar escolher as opções marcadas na imagem abaixo.

  • Select target: Escolhe o dispositivo a ser testado, podendo ser inclusive um pendrive ou HD. Mas nesse caso escolha o seu cartão.
  • Data volume: Escolha a opção “all available space” (Nesse caso estou usando um cartão se 64GByte e ele mostra o tamanho real de 61408MByte)
  • Write + Verify: Como sugere, ele “escreve” (cria arquivos) e depois verifica esses arquivos criados

Faça isso com o cartão FORMATADO. O tempo do processo varia de acordo com o tamanho do cartão e adaptador utilizado. Em meus testes um cartão de “64GB” com um adaptador USB 2.0 em uma porta USB 3.0 (Se o adaptador fosse 3.0 certamente iria demorar menos) demorou cerca de 4 HORAS. Assim, faça sabendo que irá demorar. Na imagem abaixo está um exemplo de um cartão falsificado. Nele dos 64GByte, apenas 7.4GByte são reais. Ou seja, é um cartão de 8GByte com um firmware de um cartão maior.

Na imagem acima, no destaque em vermelho informa a capacidade real do cartão e no destaque em lilás mostra a quantidade falsa de 52.5 GByte.

Então está tudo perdido, não poderei usar o meu cartão?

Bom, isso depende de cada cartão. Nesse meu caso, um cartão de 7.4GByte ainda poderia ser útil, então vamos ver mais abaixo o que fazer para aproveitar esse cartão.

Utilizando um cartão falso sem problema

Uma forma de você poder usar seu cartão falso (em alguns casos) é por alocar apenas a quantidade real. No meu caso foi 7.4GByte. Então vou formatar meu cartão e utilizar apenas 7GByte. Para isso usarei o programa MiniTool Partition Wizard para Windows XP/Vista/8/8.1/10.

Após baixar o programa (clique aqui para baixar) e instalar o programa e depois de já ter feito o teste com o H2TESTW e verificado qual o tamanho real do seu cartão, abra o programa, apague todas as partições que talvez tenha e crie uma unica com um pouco menos do tamanho real. No meu caso  irei usar apenas 7GByte e escolher a opção FAT32, como mostra a figura a baixo.

Logo depois irei clicar em Ok e o cartão estará pronto para uso. E apenas para comprovar a eficacia, faça um novo teste com o H2TESTW .

E como podem ver na imagem abaixo, meu cartão de 64GByte mas que na verdade só tinha 7.4GByte reais foi formatado para apenas 7GByte e passou no teste.

Demorou cerca de 20 minutos e no destaque podem ver que o teste terminou sem erros e a velocidade de escrita e leitura é de pouco mais de 14MBytes/s. (Inclusive esse é um exemplo de imagem que deve aparacer caso seu cartão seja original, sem erros e com a barra verde no final)

Ficou com dúvida, viu algum erro ou quer sugerir algo? Deixe uma mensagem nos comentários!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: